Idade Feminina e Fertilidade

Por Dr.Orlando Monteiro Jr.


A idade é o fator prognóstico mais importante na fertilidade natural ou induzida. O declínio da fertilidade ocorre de maneira importante 13 anos antes da menopausa, ou seja, a partir dos 37 anos, se for considerado 50 anos a idade média da maioria das mulheres entrarem em menopausa. A menopausa é considerada precoce se for antes dos 40 anos e tardia após os 60 anos.
A taxa de infertilidade, em relação a idade da mulher, é em torno de 11% quando ela tem menos de 35 anos; cerca de 33% aos 40 anos e de 87% aos 45 anos.
A probabilidade de gravidez espontânea , em casais entre 20 e 30 anos de idade é aproximadamente de 94%, após os 40 anos é de 36% . O risco de aborto espontâneo pode chegar a 15% nas mulheres com menos de 30 anos e a 52% nas mulheres com mais de 40 anos.
Risco para Anomalias Cromossômicas (Síndrome de Down), segundo a literatura, levando em conta a idade materna:
  • 1/ 1.477 aos 20 anos;
  • 1/ 939 aos 30 anos;
  • 1/ 353 aos 35 anos;
  • 1/ 85 aos 40 anos;
  • 1/ 39 aos 44 anos.
  • Devido ao declínio da fertilidade e do tempo disponível, mulheres com mais de 35 anos devem ser referenciadas à avaliação especializada após 6 meses de tentativa espontânea para gravidez.
    Itens importantes na avaliação do envelhecimento ovariano (reserva ovariana):
  • Idade cronológica da mulher;
  • Hormônio Folículo Estimulante (FSH);
  • Hormônio Anti-Mulleriano (AMH);
  • Contagem de folículos antrais.
  • A avaliação da reserva ovariana deve ser considerada também para aquela paciente na faixa etária dos 30 anos que pensa em postergar sua maternidade. Para esta mulher pode ser oferecida a possibilidade de vitrificação de óvulos próprios e em casos de baixa reserva ovariana a recepção de óvulos doados.


    Agende uma consulta Voltar à lista de Matérias

    Compartilhe nas redes sociais